quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Eu, meus cotonetes e o Espírito Santo!

Eu, meus cotonetes e o Espírito Santo!

Artigo cristão escrito por Carla Stracke

Eu, meus cotonetes e o Espírito Santo!
Quem mora em São Paulo sabe o que é conviver com poluição diariamente. Sempre trabalhei em locais paralelos a vias principais que amam respirar pó e sujeira. Sou uma pessoa que gosta muito de limpar e organizar ambientes, e os faço todo dia, pois São Paulo não cessa em deixar meu local de trabalho e casa cheios de micro pedrinhas de poluição que deixam meus olhos e narinas extremamente irritados.
Limpeza vai, limpeza vem e descobri que havia locais que o pano, aspirador e outras coisas não alcançavam, então pensei: porque não cotonetes? Se eles conseguem fazer um belo trabalho em meus ouvidos, então podem me ajudar a faxinar ainda mais eficientemente.
Então comprei uma caixa deles e todos os dias os uso para limpar teclado, mouse, calculadora, bordas da tela do computador, aquelas sujeirinhas incrustadas que não saem de certos cantinhos de qualquer lugar… lá vou eu com meus cotonetes molhados em álcool, água, sabonete líquido ou outro produto de limpeza e quão incrível é o resultado.
Já perdi as contas de quantos deles já utilizei e quão bem aos olhos eles fizeram por deixar tudo ainda mais limpinho e as minhas narinas, pois com certeza exterminaram aquela limpeza mais difícil que nos deixa alérgicos.
Você pode estar pensando: ah ok, cotonetes uhum, e o que o Espírito Santo que está lá no título tem a ver com tudo isso? Compará-los? Como?
Vamos então montar um cenário juntos. Imagine que o pecado seja a poluição/sujeira, Deus o cotonete, Jesus o produto no qual o cotonete está encharcado e o Espírito o incômodo que te move a fazer a limpeza.
Somos pecadores desde que nascemos devido ao pecado original de Adão e Eva e todos os dias pecamos, pois de alguma forma desagradamos a Deus e acabamos não seguindo o que sua palavra diz, porém alguns pecados são mais latentes, ou os famosos pecados de estimação que parecem estar incrustados em nossa personalidade, caráter etc.
Sabemos que Deus é uma trindade – Pai, Filho e Espírito Santo então voltando aos cotonetes, imagine quando você peca e resolve pedir perdão a Deus, isso é o fruto do Espírito Santo que habita em nós, ou seja, o incômodo que nos motiva a praticar a limpeza que só nós podemos permitir que seja feita e que conseqüentemente nos beneficia e também as pessoas ao nosso redor.
Deus é educado, está esperando para você chama-lo para a faxina! Jesus é o líquido no qual cotonete está submergido, pois somente através dele que chegamos ao Pai (como diz em João, eu sou o caminho, a verdade e a vida, ninguém vem ao pai a não ser por mim). Jesus é o único que intercede por nós, por isso quando oramos dizemos em nome de Jesus, e por causa do sangue dele derramado na cruz que deixamos de ser consumidos por nossos pecados!
Ore para que o Espírito Santo lhe provoque incômodos aos pecados a ponto deles já não ficarem mais incrustados em você! Deus (o cotonete) faz um trabalho maravilhoso, mas somente se resolvermos comprá-lo e usá-lo (deixar Deus fazer a faxina em nossa vida). Jesus em sua graça multiforme, com seu sangue faz a faxina de diferentes formas (diferentes produtos).
E se você quiser, ainda tem um grupo de pessoas maravilhoso também precisando de faxina chamado CORPO DE CRISTO – IGREJA!
Vamos fazer um mutirão?

Autor

Carla Stracke

Carla Stracke

Carla Stracke, sou tradutora e fluente em inglês além de administradora. Escrevo sobre comportamento cristão e social e também faço entrevistas e cobertura de eventos. Sou uma ativista nata! Meu objetivo principal é despertar nas pessoas a retidão da vida Cristã e o rompimento de barreiras entre as pessoas
+ Artigos